segunda-feira, 27 de agosto de 2012

PALME II - Ação Popular - Administrador de Insolvência


MASSA INSOLVENTE DE PALME II, S.A.

Comercialização de Cartões de Desconto


Administrador de Insolvência - AÇÃO POPULAR



"Chegou até ao meu conhecimento
a vontade expressa por alguns Sócios do Key Club
de levarem a cabo um pedido judicial
de anulação dos seus Contratos,
no intuito de verem reembolsado o valor dos seus Cartões.

Para sustentar este pedido,
alegam estes Sócios um conjunto de razões e motivos
que pretendem ver apreciados a favor da sua pretensão
pelos Tribunais competentes."


*****

A Palme II encontra-se a executar um Plano de Recuperação
ao abrigo de um Processo de Insolvência
decretado e supervisionado pelo Tribunal do Comércio;

A Palme II tem vários milhares de Sócios
que continuam satisfeitos com os Serviços
que lhes estão a ser prestados;

A Palme II tem legitimidade para cobrar dos seus Sócios
"as dívidas" por estes contraídas
referentes aos Contratos por eles aceites e assinados (...) 

A Palme II continuará a cobrar "estas dívidas"
por todos os meios legais ao seu alcance,
para ressarcir os seus Credores e ex-Trabalhadores
e assim continuar a cumprir o Plano de Recuperação estabelecido e aprovado (...)"
 

José Caetano Marques
Administrador de insolvência



________________________

Encontrar,
com Todos os Sócios que o desejem,
uma solução
para que estes se desvinculem
das suas obrigações futuras
(anuidades).
__________________________


O valor das anuidades,
segundo o clausulado dos Contratos,
destinava-se a Prestar Serviços
aos Sócios Key Club.


Agora, porém, está a ser utilizado para
pagar as dívidas da PALME II
e as indemnizações
aos ex-trabalhadores do KEY CLUB...
 

__________________________

15 comentários:

  1. "A Palme II tem vários milhares de sócios que continuam satisfeitos com os serviços que lhes estão a ser prestados..."

    DESCULPE???

    Vamos ver a "satisfação" dos sócios:

    http://www.eusoucliente.com/reclamacoes/publicidade-enganosa-burla-881
    http://www.eusoucliente.com/reclamacoes/reclamacao-por-publicidade-enganosa-e-burla-1592
    http://www.eusoucliente.com/reclamacoes/burla-2146
    entre outras mais que existem às centenas na internet e não só…

    Para finalizar e muito recente:
    http://www.dn.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1194616

    ResponderEliminar
  2. SE O MEU DINHEIRO AGORA SERVE PARA PAGAR A CREDORES E FUNCIONÁRIOS É MUITO ESTRANHO, PORQUE QUANDO ME DESLOCAVA PARA COMPRAR PASSAGENS AÉREAS PARA VIAGENS DE NEGÓCIOS NA AV. ALMIRANTE GAGO COUTINHO, SEMPRE ME PEDIRAM O VALOR DE DESPESAS ADMINISTRATIVAS, SENDO ASSIM QUE PELO QUE ESTOU A VER NÃO TINHA DE PAGAR, POR JÁ PAGAR A ANUIDADE, POIS É, ENTÃO O QUE FIZERAM SR. ADMINISTRADOR AO VALOR DE 3000 € QUE PAGUEI EM 2000 PARA TER ESSE CARTÃO, TALVEZ PARA PAGAR ORDENADOS BEM CHORUDOS A PESSOAS COMO O SR. ADMINISTRADOR QUE ACABARAM POR DESTRUIR MAIS UMA EMPRESA EM PORTUGAL. TENHA VERGONHA E OBVIAMENTE DEMITA-SE...

    ResponderEliminar
  3. Parece que este administrador extravassa a sua competência, sendo pago pelos impostos dos contribuintes também eles duplamente enganados pela PALME II, S.A. e agora por este administrador, que pelo nome até parece que tem interesse material em manter esta farsa, convelhamos, será enriquecimento ilícito? Pois quando este se sentar em tribunal como fez com milhares de pessoas insatisfeitas com a sua atitude de gestão danosa dos bens públicos, talvez tenha de indeminizar milhares de pessoas por danos morais, pessoas que levou a tribunal e não compareceu, se cada um obter 1000 Eur do Administrador, talvez este comece a pensar se este esquema lhe compensa. Este administrador sabendo que está perante um bem de consumo deveria proteger primeiro os consumidores como está previsto na Constituição Portuguesa, se calhar pensa que os Portugueses são todos ignorantes e que só ele pode levar as pessoas a tribunal e depois ameaçar para que estas não o coloquem também em tribunal. Esqueceu-se concerteza que se levar com milhares de processos individuais contra ele, nunca mais vai fazer nada na vida. Aliás os Advogados da PALME já á muito que não deviam ter licença. Tal é o esquema de intimidação que usam para obter proveitos próprios, sabendo que o consumidor incauto nem sempre se sabe defender, perante um profissional seja de que ramo for. Seja um ladrão profissional, ou um profissional de vendas agressivas ou advogado oportunista.

    ResponderEliminar
  4. A política seguida pela MASSA INSOLVENTE DA PALME II, S.A. parece assentar na seguinte lógica:

    1 - Redução Total das despesas a suportar com os serviços a prestar aos Sócios Key Club;

    2 - Cobrança dos valores das anuidades, aos Sócios Key Club, voluntariamente ou, se necessário, de forma coerciva;

    3 - A HALCON VIAGENS que preste os serviços...

    ResponderEliminar
  5. NINGUÉM FOI INFORMADO DA INSOLVÊNCIA;
    NEM DE QUE HAVIA PRAZO PARA RECLAMAR CRÉDITOS; ISSO NÂO LHES CONVINHA;
    AS CARTAS QUE CHEGARAM DESDE 2008 AOS SÒCIOS; FORAM SÒ MENTIRAS

    TIVERAM O DESCARAMENTO DE ENVIAR SEM QUALQUER ASSINATURA A 1ª QUE RECEBI E DIZ
    " CARTÃO KEY CLUB_ NOVAS FUNCIONALIDADES_MAIOR FLEXIBILIDADE_MAIOR VALOR "

    TRETAS, agora é só cartão keyclub,
    onde estão os OURO; PRATA; PRESTIGE E PREMIUN?

    MAIOR VALOR?
    O QUE VALEM ESTES CARTÕES HOJE É UMA BOSTA DE CAMELO, QUE SE LHES DEVE OFERECER NUMA CAIXINHA BEM DECORADA

    Continuam a mentir com quantos dentes têm,
    na mesma carta dizem que,
    " a partir de 15 de Set. os portadores do cartão passam a usufruir de um produto " premier", .....
    na rede de 31 agências da Halcon em condições absolutamente exclusivas e excecionais"( FILHOS DE UMA GRANDE P....)anunciam descontos de 7 e 10% e nos contratos e na publicidade que nos deram bem como na ensaboadela da maldita reunião, os descontos iam até 50% e o programa key points dava-nos essa oportunidade ou até ter viagens sem nada pagar usando apenas os pontos, ninguém esqueça isto nas audiências e oposições

    VEJAM COMO NOS BENEFICIARAM.

    ResponderEliminar

  6. O nosso dinheiro
    anda só a governar parasitas
    e aldrabões.

    ResponderEliminar
  7. Propostas dessa gente alguma vez poderiam ser vantajosas? Quem pode esperar tal? Só os tolinhos.

    Claro que essa foi a última arma que encontraram, dão-se ao rídiculo de aceitar 50€!!!!
    É melhor do que deixar a malta seguir para as oposições e depois ganhar, ficam queimados nos tribunais.

    Otília P

    ResponderEliminar

  8. Mais queixas por cartões de férias

    "Aumenta o número de consumidores que reclamam das vendas agressivas de cartões com descontos e, depois, não conseguem anular os contratos, como está previsto na legislação.

    Um telefonema, um anúncio de um prémio e a obrigatoriedade deste ser levantado pelo casal, no dia X e às tantas horas. É assim o modus operandi das empresas que vendem cartões de férias, uma forma de "publicidade enganosa e agressiva" e que até levou à necessidade de criar uma lei, há dez anos, a permitir a anulação do contrato no prazo de 14 dias após a assinatura. Estas vendas agressivas ressurgiram e aumentaram as queixas.

    José Plácido é um dos 581 consumidores que reclamou o ano passado junto da Deco e contra a empresa que, segundo os juristas da associação, levanta mais problemas: a Mundi Travel. Ainda hoje está à espera de reaver o dinheiro que deu de entrada, dois mil euros.

    "Telefonaram-me a dizer que tinha ganho um fim-de-semana de férias e para eu levantar o prémio na Avenida da Liberdade. Já sei como são essas coisas e disse logo que só ia levantar o prémio, mas insistiram em mostrar os produtos que tinham e eu acabei por aceder. Vi que se comprasse um cartão de férias poderia ter 50% a 70% de descontos e em qualquer parte do mundo. Acabei por assinar um contrato, mas avisei que ia ler as letras miudinhas em casa e, se não estivesse lá o que me tinham prometido, pedia a rescisão", conta aquele consumidor.

    O cartão de férias iria custar-lhe 7.808 euros (dois mil euros mais 37 prestações mensais de 157 euros) e proporcionar-lhe-ia descontos em unidades hoteleiras em qualquer parte do mundo e que poderiam ir até aos 70%.

    "As condições escritas no contrato eram muito diferentes das prometidas, sublinha José Plácido, nomeadamente os descontos que rondavam os 20%.

    Acabou por pedir a anulação do contrato, por carta registada e com aviso de recepção.

    No entanto, não só ainda não lhe deram o sinal que entregou aquando da assinatura, como ainda lhe levantaram a primeira mensalidade por transferência bancária.

    (DN PORTUGAL)

    MUNDI-TRAVEL, INTERPASS, KEY CLUB, etc...


    ResponderEliminar

  9. Continuo muito surpreendido pelo facto de a PALME II, S.A., apesar da multidão de reclamações que têm surgido, continuar sem prestar Informação Periódica aos seus Associados.

    À semelhança de muitos Sócios Key Club, a imagem que eu recebo desta empresa insolvente é a de que somente se lembra dos seus Associados no momento de solicitar o pagamento das anuidades!

    Provavelmente seja semelhante àqueles "amigos" que aparentemente somente se lembram de nós quando querem pedir dinheiro emprestado! Depois, boas festas!

    Tenho perguntado, em vão, porque motivo a PALME II, S.A. deixou de enviar aos Associados a Newsletter - KEY CLUB News.

    Parece ser que se esqueceram dessa obrigação, porque representaria um custo adicional para a PALME II (Key Club) mas não se esquecem de pedir as anuidades!

    Afinal de contas, era a principal PUBLICAÇÃO PERIÓDICA dirigida aos Sócios Key Club, contendo Notícias Atualizadas referentes à atividade social da PALME II e aos empreendimentos iniciados pelo KEY CLUB.

    ResponderEliminar

  10. Também estou disposto a DAR o meu cartão, assim pelo menos fico livre das anuidades, que supostamente se prendem com despesas administrativas que nunca são suportadas por esta entidade, já que hà muitos anos que só ouço falar dela quando me chegam as ditas anuidades para pagar!

    ResponderEliminar

  11. KEY CLUB - POLÍTICA COMERCIAL AGRESSIVA


    «Desde 1992 a marca Key Club
    é administrada em Portugal pelo Grupo Palme.

    Sendo um clube privado de dimensão internacional,
    opera em regime de exclusividade para os seus Associados.

    Através de uma política comercial agressiva,
    tem já mais de 100.000 Associados
    em todo o País.»

    Cartão "Key Club"

    ResponderEliminar
  12. Lembrei-me de uma coisa que talvez desse resultado:

    Porque não fazer uma petição publica on-line?

    http://www.peticaopublica.com/

    Talvez se conseguisse algo...


    Cumprimentos

    ............................................................

    ***** CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA PORTUGUESA *****

    Artigo 52.º

    Direito de Petição e Direito de Acção Popular

    1. Todos os Cidadãos têm o direito de apresentar, individual ou colectivamente, aos Órgãos de Soberania, aos Órgãos de Governo próprio das Regiões Autónomas ou a quaisquer Autoridades petições, representações, reclamações ou queixas para defesa dos seus direitos, da Constituição, das leis ou do interesse geral e, bem assim, o direito de serem informados, em prazo razoável, sobre o resultado da respectiva apreciação.

    2. A Lei fixa as condições em que as petições apresentadas colectivamente à Assembleia da República e às Assembleias Legislativas das regiões autónomas são apreciadas em reunião plenária.

    3. É conferido a todos, pessoalmente ou através de Associações de defesa dos interesses em causa, o direito de acção popular nos casos e termos previstos na lei, incluindo o direito de requerer para o lesado ou lesados a correspondente indemnização, nomeadamente para:

    a) Promover a prevenção, a cessação ou a perseguição judicial das infracções contra a saúde pública, os Direitos dos Consumidores, a qualidade de vida, a preservação do ambiente e do património cultural;

    b) Assegurar a defesa dos bens do Estado, das Regiões Autónomas e das Autarquias Locais.

    ResponderEliminar

  13. Estou farto deste sistema de ameaças por quem pensa que tem a faca e o queijo na mão, talvez a justiça popular seja um dos caminhos, como diz o Sr. Bastonário Marinho Pinto.

    ResponderEliminar
  14. Se alguém fizer uma boa petição sobre este assunto eu assino sem hesitar.

    David Cunha

    P.S. Não tenham receio de comentar neste blog com o vosso nome

    ResponderEliminar
  15. TRIBUNAL DO COMÉRCIO DE LISBOA

    "Resulta evidente que a PALME II
    se encontra impossibilitada de cumprir
    as suas obrigações vencidas
    e que, de facto, não as vem cumprindo,
    situação irreversível dado que há CINCO ANOS que
    a Sociedade não exerce qualquer actividade."


    Assim sendo, porque motivo o Administrador de insolvência,
    DR. JOSÉ LUÍS CAETANO MARQUES afirmou o contrário,
    quando se dirigiu aos Sócios do key club,
    declarando que a PALME II se encontra em pleno funcionamento?

    Qual é a Verdade dos Factos?

    ResponderEliminar