terça-feira, 25 de setembro de 2012

PALME II - Aviso



MASSA INSOLVENTE de PALME II

Comercialização de Cartões de Desconto, S.A.

Rua Campo Grande, 28 - 3.º C

1700-093 Lisboa


geral@keyclub.pt

______________________________________________


AVISO / INFORMAÇÃO





Temos conhecimento de que alguns Sócios, após terem deduzido oposição à injunção da Palme II, perderam a causa em audiência/julgamento final.

Assim, é conveniente prestar alguns esclarecimentos.
Primeiramente, importa saber que existem diferentes tipos de Contratos celebrados com a Palme II, S.A..

As Condições Gerais destes Contratos divergem muito entre si, especialmente entre os contratos celebrados nos anos de 1993, 1994 e 1995 e os posteriores. Convém ter isso em consideração na fundamentação de uma eventual oposição. Uma boa fundamentação, associada à apresentação da conveniente prova documental e eventuais Testemunhas, são fatores que poderão propiciar ao Sócio Key Club receber uma decisão favorável do Tribunal. 



CONTRATOS:

  • Ouro / Prata Anos 1993, 1994 e 1995
  • Prestige Anos 1996 - 2005
  • Premium Anos 2006 e 2007


  • Premium Ano de 2008


Quanto às Injunções também existem situações muito diferentes, o que poderá favorecer ou prejudicar a sentença pronunciada pelo juiz/a do Tribunal competente:
  • Falta de pagamento da totalidade do Cartão “Key Club” e das anuidades;
  • Falta de pagamento de uma parte do Cartão “Key Club” e das anuidades;
** (Nestas duas situações, visto que o valor da causa é superior a 5.000,00 € é obrigatório a constituição de um mandatário).



  • Cartão “Key Club” totalmente pago. Falta de pagamento das anuidades;
  • Falta de pagamento de algumas anuidades;
  • Falta de pagamento das anuidades, após a declaração da situação de insolvência da Palme II, S.A.;
  • Falta de pagamento de apenas uma anuidade (2010/2011).


Os casos em que o que é exigido é o pagamento de parte do preço do Cartão “Key Club” e das anuidades são os mais complexos e é essencial que a fundamentação da Oposição à Injunção seja cuidadosamente exposta, sob pena de poder vir a ser julgada improcedente.

A eventual PROVA DOCUMENTAL que se encontre na posse do sócio é muito importante para a obtenção de um bom resultado na audiência.

Na eventualidade de o Sócio não ter já disponível a documentação referida, deverá solicitar ao KEY CLUB, por meio de carta REGISTADA com Aviso de Recepção, uma cópia dos seguintes documentos:

1) Contrato de Associação;
2) Faturas-Recibo dos pagamentos efetuados das anuidades anteriores;
3) Carta da Palme II a solicitar o pagamento da anuidade.


Se não receberem a cópia dos documentos referidos atempadamente, podem solicitar na Oposição à Injunção que a Palme II proceda à junção no Processo cópia dos ditos documentos!


___________________________


Têm sido publicadas no blogue algumas decisões favoráveis à Palme II, pelo Anónimo amigo do Key Club” no intuito de intimidar os Sócios e tentar passar a mensagem de que não vale a pena fazer oposição às Injunções e que o melhor a fazer é pagarem aquilo que lhes é exigido.

Mas, convém observar que nas referidas sentenças favoráveis à Massa Insolvente Palme II não tem sido publicada a FUNDAMENTAÇÃO em que se apoiou o Juiz / Juíza para proferir aquela decisão.

Como já foi dito, “cada caso é um caso” e estas sentenças agora publicadas constituem uma DESINFORMAÇÃO, porque não esclarecem nada.

Por que motivo “o amigo do Key Club” não publica a fundamentação dessas sentenças?

Porque sabe muito bem que se os Sócios tiverem conhecimento dessa fundamentação, em futuras oposições não iriam cometer os mesmos erros e, consequentemente, as hipóteses da Palme II vir a ganhar as ações movidas contra os Sócios Key Club ficariam muito reduzidas.

Portanto, o objetivo da publicação destas sentenças não é esclarecer os Sócios Key Club, mas apenas para dissuadi-los de deduzirem uma eventual Oposição.



__________________________


Compete a cada um

avaliar devidamente a sua situação

 e, em função das suas próprias convicções,

tomar a decisão que entender mais conveniente!

____________________________________



quinta-feira, 20 de setembro de 2012

KEY CLUB - HALCON - Alterações - Ano de 2008



HALCON / KEY CLUB


Prezado Sócio Key Club
__________________________________________________________
“Esta é a 1.º grande distribuição por TODOS os sócios Key Club de produto especialmente adequado às suas necessidades (…).
Outras acções colectivas se vão seguir no sentido de podermos sentir as V. necessidades na área das Viagens de lazer, e proporcionar o atendimento a que têm direito e merecem como sócios Key Club.
Temos consciência de que as recentes alterações foram eventualmente motivo de afastamento e desinteresse (15 de Setembro de 2008) …
Tenho por experiência própria a noção de que a distribuição e a comunicação com os sócios não foi a mais eficiente e efectiva no passado, muito por falta de meios na distribuição geográfica das Agências.”


Eduardo Névoa
Assessor da Direção Geral
Halcon Viagens
__________________________

Temos consciência de que
as recentes alterações foram
eventualmente
motivo de afastamento e desinteresse ... 
dos Sócios do KEY CLUB

(24 de Março de 2009)

____________________________



segunda-feira, 17 de setembro de 2012

PALME II - Plano de Insolvência - Ano de 2009


PLANO DE INSOLVÊNCIA

da
PALME II









Na Newsletter do Key Club, a KEY CLUB News, N.º 14, distribuída em Setembro de 2007, foi publicado que o KEY CLUB tinha alcançado 21.000 Sócios.


Após um ano da publicação dessa notícia, no mês de Setembro de 2008, as empresas do GRUPO PALME entraram em situação de insolvência:

  • PALME II, S.A. 

  • PALME - Viagens e Turismo, S.A.

 
Segundo declarações do Administrador de Insolvência existem atualmente milhares de Sócios KEY CLUB satisfeitos com os Serviços que lhes são disponibilizados pela Agência HALCON VIAGENS.

Mas, não especificou qual é o número específico de Sócios alegadamente satisfeitos.

Convém esclarecer que o simples facto de um Sócio pagar, cada ano, o valor que lhe é exigido, a título de "anuidade", não significa que o Sócio esteja realmente satisfeito.

Porém, na eventualidade de a Palme II, S.A. estar verdadeiramente interessada em saber o nível de satisfação dos seus Associados, deveria tomar a sábia decisão de enviar um “Inquérito de Satisfação do Cliente” a TODOS os Sócios do Key Club.

Essa iniciativa seria bem vinda!


__________________________

ANO DE 2009



Segundo o Administrador de insolvência, no mês de Janeiro de 2009, o KEY CLUB era constituído por cerca de 17.000 SÓCIOS.

·         N.º de Sócios: 17 000

·         Valor da anuidade, no ano de 2009: 78,50

·         Valor das Receitas previstas pela PALME850.000 €.

  

Assim, façamos o cálculo:

 17.000 Sócios X 78,50 € = VALOR: 1.334.500,00


Mas, este valor - 1.334.500 - não corresponde às RECEITAS PREVISTAS, segundo a previsão feita no "Plano de Insolvência".

Qual é a conclusão que provavelmente se pode tirar?
Que os Sócios Key Club, segundo as previsões,  que iriam pagar as anuidades em 2009 seriam aproximadamente 10.800 Sócios (Receitas 850.000 € : € 78,50 = 10.828).

Assim sendo, em 2009, previa-se que 6.200 SÓCIOS  NÃO PAGARIAM AS ANUIDADES, por se sentirem MUITO INSATISFEITOS e como consequência direta da erosão causada pela imagem pública da PALME II em situação de insolvência.
 

_________________________


ANO DE 2012



As Receitas previstas para o Ano de 2012 correspondem à quantia de 550 000.

Façamos um novo cálculo:

 € 550.000,00 : € 78,50  = 7.006 Sócios



  • Eventualmente somente 7.000 Sócios é que pagariam as anuidades;  
  • Seriam mais de 10.000 SÓCIOS que NÃO PAGAM AS ANUIDADES.


O Administrador de insolvência afirma que a "PALME" tem legitimidade para cobrar dos Sócios "as dívidas" por estes contraídas, referentes aos Contratos por eles assinados.

Afirma ainda que a "PALME" continuará a cobrar "estas dívidas" por todos os meios legais ao seu alcance para ressarcir os seus Credores e ex-trabalhadores.

O que significa isto exatamente? 
Ressarcir o quê?

  • CREDIBOM - Instituição Financeira de Crédito, S.A. (e outros) .......... € 1.150.000,00 

  • FORNECEDORES ...................................................................................  2.500.000,00 


  • Ex-Trabalhadores da "PALME" ..............................................................  400.000,00   (valores aproximados)


No ano de 2008, as dívidas da PALME II, S.A. seriam cerca de4 500 000.
Esta quantia que deveria ser utilizada em proveito dos Sócios do Key Club, na prestação dos SERVIÇOS ADMINISTRATIVOS previstos na "cláusula das anuidades"  dos Contratos celebrados, vai servir para pagar as dívidas da PALME II, S.A..

Quem fica a ganhar com a execução deste Plano de Insolvência?

- Os Credores da Palme II, S.A. 

Quem sai claramente mais prejudicado da execução deste Plano?

OS SÓCIOS DO KEY CLUB!

 

____________________________



Até Fevereiro de 2008, o Presidente do Conselho de Administração  da PALME II, S.A.,  Vítor Melamed, enviava Notícias Atualizadas aos Sócios Key Club, por meio da PULICAÇÃO PERIÓDICA dirigida aos Sócios Key Club - a KEY CLUB News.

Após a declaração da SITUAÇÃO DE INSOLVÊNCIA da PALME II, S.A., nunca mais recebemos NOTÍCIAS ATUALIZADAS do Presidente do Conselho de Administração da Palme II, S.A..

Nos últimos 3 Anos (2009, 2010 e 2011) não recebemos qualquer notícia ou informação periódica da parte do Administrador da PALME II, S.A., acerca da atividade social da Empresa.

A situação de insolvência da PALME II, S.A. não foi comunicada aos Sócios - até à data em que os Associados receberam uma notificação de INJUNÇÃO, na qual, em nota de rodapé, é referenciado pelo Balcão Nacional de Injunções que a Palme II, S.A., por se encontrar em situação de insolvência, está isenta do pagamento das taxas de justiça.


 

Apesar dos factos, agora dizem:


  • Ser uma "falsa razão" os Sócios queixarem-se  da falta de informação; 


  • Que A INSOLVÊNCIA DA EMPRESA, em nada afetou a Prestação de Serviços aos Sócios Key Club


  • Que a PALME II encontra-se em pleno funcionamento.





____________________________


Sócios KEY CLUB


  • 2007 ..............................  21.000 Sócios

  • 2008 .............................. 20.000 Sócios

  • 2009 ............................... 17.000 Sócios



  • 2012 ................................  7.000 Sócios

(Ano de 2012 - Estimativa de N.º de Sócios)






__________________________


Insolvente: Palme II Comercialização de Cartões de Desconto, S.A.
Credor: Crédibom Instituição Financeira de Crédito, S.A.


ASEMBLEIA DE CREDORES

Foi designado o dia 16-07-2009, pelas 14h00 horas,
para a realização da reunião da Assembleia de Credores,
destinada a votar a Proposta do Plano de Insolvência
apresentada pela Insolvente.


Diário da República, 2.ª Série – N.º 110 – 8 de Junho de 2009
________________________


terça-feira, 11 de setembro de 2012

PALME HOTÉIS - Cessação de Atividade - 23-03-2012


PALME - HOTÉIS





 
KEY CLUB Holidays 

Versus

HALCON Viagens
 




*****




O que aconteceu ao KEY CLUB HOLIDAYS?


O que aconteceu ao KEY CLUB TRAVEL?


O que aconteceu ao GRUPO KEY CLUB?





A PALME - HOTÉIS, S.A.  era a empresa pertencente ao GRUPO PALME que fazia a GESTÃO HOTELEIRA para os Sócios Key Club.

A operação integrada do KEY CLUB Holidays e do KEY CLUB Travel, o operador turístico criado para a contratação directa com a Hotelaria do Algarve e Sul de Espanha, visava a obtenção dos melhores preços para os Sócios Key Club.


 
O GRUPO PALME era o grupo empresarial que atuava na prestação de serviços de Turismo, Lazer e Descontos, sendo constituído por quatro empresas, nomeadamente:


  • PALME Sociedade Gestora de Participações Sociais, S.A.

  • PALME II – Comercialização de Cartões de Desconto, S.A.

  • PALME VIAGENS E TURISMO, S.A.

  • PALME HOTÉIS, S.A.



O Grupo KEY CLUB apresentava-se como um conjunto de empresas que atuavam nas Áreas de Viagens e dos Serviços, destacando-se:


  • KEY CLUB  Clube de Férias e Serviços

  • KEY CLUB Travel, na Área das Viagens

  • KEY CLUB Holidays, na Gestão Hoteleira


TODO O PROCESSO era liderado pela empresa:


     PALME, S.A.     

 SOCIEDADE GESTORA DE PARTICIPAÇÕES SOCIAIS







*****

Na Newsletter – KEY CLUB News, edição de Agosto de 2006,

Publicação Periódica dirigida aos Sócios Key Club

foi publicado o seguinte:

 

KEY CLUB Holidays


Investimento na qualidade e melhoria dos Serviços
ao dispor dos Sócios
 

«No último ano e meio (2005/2006), o KEY CLUB tem realizado     um conjunto significativo de investimento no seu Empreendimento Key Club Holidays, tendo em vista o aumento do número de camas disponíveis e o melhoramento dos Serviços colocados à disposição dos Sócios.


(…) Depois de um diagnóstico interno das principais necessidades e tendo sempre em conta as sugestões dos Sócios que usufruem do nosso Empreendimento, foi desenvolvido um conjunto de melhoramentos com vista a equipar o Key Club Holidays de uma oferta que vá ainda mais de encontro com os desejos dos Sócios Key Club





No dia 15 de Setembro de 2011, foram solicitados esclarecimentos à Palme II, S.A. (Key Club) acerca do HOTEL KEY CLUB HOLIDAYS, sito no Algarve, nos seguintes termos:

«Tenho constatado a relutância, por parte da empresa PALME II, S.A. (KEY CLUB) em prestar os devidos esclarecimentos acerca do KEY CLUB HOLIDAYS Empreendimento Hoteleiro “Terrace Club”, sito em Armação de Pêra, no Algarve, como se o mesmo tivesse desaparecido do mapa!
 Aliás, o comportamento da empresa PALME II, S.A., nos últimos tempos, tem sido tudo menos transparente. É verdade que o KEY CLUB tem-se mostrado disponível quando se trata de receber dinheiro, porém, quando se trata de cumprir na íntegra com as suas obrigações legais, escusa-se com desculpas esfarrapadas e omissões intencionais – tal comportamento perante os Sócios é inadmissível!
 Assim, solicito novamente a V. Exas. que me sejam prestadas as informações já anteriormente solicitadas, acerca do Empreendimento emblemático do KEY CLUB “Terrace Club”, o qual, por motivo que me é desconhecido, foi retirado do websitewww.keyclub.pt sem aviso prévio
 

 
Qual foi a resposta dada pelo  "KEY CLUB" - Departamento de Gestão de Clientes?


 «Não tenho conhecimento de que V. Exa. tenha algum Contrato

com o Empreendimento cito.


 Mantenho-me disponível para esclarecer mais dúvidas

que não esta…»



AGORA, os Sócios Key Club já não têm direito a receber informação acerca do Empreendimento do KEY CLUB?

"O Nosso Empreendimento"... como era designado pelo "KEY CLUB" até 2008!

Antes da declaração da situação de insolvência das várias Empresas “Palme”, o KEY CLUB referia-se ao «Hotel Key Club Holidays» como sendo “o Nosso Empreendimento”!
Agora deixou de ser o Empreendimento do KEY CLUB e os Sócios não foram informados disso?

O Administrador de insolvência, em vez de declarar que a PALME II, S.A. (KEY CLUB) continua a prestar TODOS OS SERVIÇOS anteriormente disponibilizados pelo KEY CLUB, deveria antes, prestar informações atualizadas aos Sócios Key Club, esclarecendo o que sucedeu realmente ao KEY CLUB Travel e ao KEY CLUB Holidays.

Após a declaração de insolvência da PALME II,

NUNCA MAIS se ouviu falar do GRUPO KEY CLUB!



Tendo sido enviada uma carta registada com aviso de recepção ao Administrador de insolvência, em 2011-08-08um pedido de esclarecimentosnão recebi qualquer resposta!



*****


Por iniciativa da PALME II, S.A., foi feito o cancelamento de diversos Serviços que eram prestados aos Sócios Key Club, que deixaram de receber as Publicações do Key Club, nomeadamente:

1. Guia de Hotéis de Portugal para SóciosKEY CLUB;

2. Manual de Descontos "com actualizações periódicas";

3. Extractos mensais acerca da Gestão do Programa Key Points;

4. Folhetos e Brochuras exclusivas para os Sócios «Key Club»;

5. NewslettersCom Notícias Atualizadas sobre a atividade social da PALME II



Os Sócios Key Club foram privados pela PALME II, S.A. de receber informação periódica acerca da actividade social da Empresa, contrariamente aquilo que ficou estabelecido nas Condições Gerais dos "CONTRATOS DE ASSOCIAÇÃO" do KEY CLUB.



*****

Não é suficiente 
"disponibilizar Serviços"...

É fundamental
cumprir na íntegra
com as obrigações constantes
nos Contratos de Associação!




As Publicações do Key Club
eram essenciais
para manter os Sócios
devidamente informados!
 





*****

Quem faz atualmente a Gestão
dos Serviços de Hotelaria
para os Sócios Key Club?



*****