quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

KEY CLUB - Guia de Hotéis para Sócios


DESCUBRA
PORTUGAL
  _______________________

Guia de Descontos
em Hotéis  

para Sócios
_____________________________ 





      O CARTÃO KEY CLUB PREMIUM     
    é um cartão "inteligente" que confere o acesso a 
   SERVIÇOS HOTELEIROS contratados.    


Este é o verdadeiro objecto do Cartão Key Club Premium conforme ficou estabelecido nas Condições Gerais dos "Contratos de Associação" (Edição do Ano de 2006).
____________________________

 

A publicação do Key Club "Descubra Portugal" era o Guia de Descontos em Hotéis de Portugal onde eram referenciados os descontos em Unidades Hoteleiras, contratualizados exclusivamente para os Sócios Key Club.

Este Guia era actualizado anualmente, sendo enviado um exemplar aos Sócios Key Club, no mês de Outrubro de cada ano.

Existe uma grande diferença entre o KEY CLUB que existiu até Dezembro de 2007,  e o «KEY CLUB» - "MASSA INSOLVENTE DA PALME II" - que surgiu após a declaração da situação de insolvência.

Após a declaração da situação de insolvência da PALME - VIAGENS E TURISMO, S.A.  o Guia de Descontos em Hotéis deixou de ser enviado aos Sócios Key Club.

A Agência HALCON VIAGENS não assumiu a responsabilidade pela actualização periódica do Guia de Hotéis, visto que isso envolvia ter que suportar custos consideráveis, porque deveria ser enviado aos cerca de 17.000 Sócios do KEY CLUB.

Apesar desse facto, os representantes da PALME II, S.A. dizem que não houve alterações à Prestação de Serviços, após a situação de insolvência da PALME II, S.A..
Dizem que a incapacidade financeira da Empresa em nada afectou a Prestação de Serviços aos Sócios.

Houve alterações profundas dentro do «KEY CLUB», mas,  à PALME II, S.A. não lhe convém reconhecer esse facto, pelas implicações daí resultantes.

A obrigação da PALME II, S.A. constante dos "CONTRATOS DE ASSOCIAÇÃO", na clausula 24.ª, de enviar INFORMAÇÃO PERIÓDICA aos Titulares dos CARTÕES KC englobava o envio deste Guia de Descontoscada anocom atualizações dos Hotéis e Empreendimentos disponibilizados, com a referência dos preços contratualizados exclusivamente para os Sócios KEY CLUB.

Todos os anos, o Sócio recebia o Guia de Hotéis de Portugal para Sócios, por correio. Por ser Associado do KEY CLUB, o único custo era de 78,50 €, relativo a despesas administrativas.




___________________________

O objecto do Cartão "Key Club" Premium
(Edição de 2006), 
não faria sentido sem a publicação do 
Guia de Hotéis de Portugal 
preparado especialmente
para os Sócios KEY CLUB!
 
____________________________




12 comentários:

  1. MASSA INSOLVENTE DE PALME II – COMERCIALIZAÇÃO DE CARTÕES DE DESCONTO, S.A.
    veio apresentar um requerimento de injunção em que solicitava que JOSÉ MANUEL DOS SANTOS VIOLANTE fosse notificado para lhe pagar a quantia de 118,26 euros, sendo o montante de 78,50 euros referente à dívida de capital, o de 39,25 euros, referente a uma penalização pela mora, e o de 0,51 euros referente a juros de mora.

    DECISÃO:
    Pelo exposto, julga-se parcialmente procedente, por provada, a presente acção e condena-se o R. na parte do pedido apresentado pela A. na sua P.I., consistente no pagamento a esta última:

    Tribunal Judicial de Torres Novas
    1º Juízo
    Rua 25 de Abril - 2350-774 Torres Novas
    Telef: 249810060 Fax: 249810069 Mail: tnovas.tc@tribunais.org.pt

    Proc.Nº 172540/11.2YIPRT

    a) Do valor do preço da anuidade pela utilização do cartão referido supra, e que permitia ao R. desfrutar dos serviços prestados pela A. em seu benefício, alegado nos presentes autos, que se encontra por pagar, correspondente à quantia de 78,50 euros.
    b) Dos juros moratórios vencidos calculados desde a data em que o R. foi citado para
    a presente acção, contados sobre o valor referido em a), à taxa legal dos juros de mora dos créditos que sejam titulares empresas comerciais em vigor em cada período temporal.
    c) Nos juros que entretanto se vencerem até integral pagamento, à taxa legal que vigorar para os créditos que sejam titulares empresas comerciais, sobre a quantia referida
    em a).

    *
    Por outro lado, decide-se declarar improcedente, por não provada, a restante parte da acção.
    Em conformidade, decide-se absolver o R. da restante parte do pedido formulado pela A. na presente acção, designadamente, do pagamento do valor de 39,25 euros, a título de clausula penal pela mora do R., e ainda do valor dos juros de mora calculados desde 30-11-2010 até à data em que o R. foi citado para os presentes autos.


    Condenam-se a A. e o R. no pagamento das custas do presente Processo, em razão do decaimento ( cfr. artigo 446º, do Código de Processo Civil). Fixa-se a proporção da responsabilidade da A. nas custas em 25% e do R. em 75%.
    Registe e Notifique.

    ••Tribunal Judicial de Torres Novas
    1º Juízo
    Rua 25 de Abril - 2350-774 Torres Novas
    Telef: 249810060 Fax: 249810069 Mail: tnovas.tc@tribunais.org.pt

    Proc.Nº 172540/11.2YIPRT
    A presente decisão compõe-se de vinte e quatro páginas e foi elaborada e conferida pelo seu signatário.
    Torres Novas, 6-5-2012
    ( Domingo, acumulação de serviço)
    O Juiz de Direito

    ResponderEliminar
  2. Porque é que o Sr. Anónimo apenas coloca aqui processos decididos a favor da MASSA INSOLVENTE DE PALME II?

    Coloque, também, todos os outros que foram decididos contra a MASSA INSOLVENTE DE PALME II. Isso sim, era contribuir de uma forma construtiva e justa neste blog.

    Publicar/comentar apenas aquilo que lhe convém não contribui e não ajuda em nada todos os que consultam este blog, apenas serve para amedrontar e intimidar aqueles que não estão bem informados sobre este assunto. DC

    ResponderEliminar
  3. A intenção da Massa Insolvente é exatamente a de dividir para poder reinar. Para agir desta forma, é óbvio ( e, sabemos que é verdade ) que está aflita com, os resultados obtidos nas esferas judiciais, com a contínua perda de acções. Lamenta-se que muitos dos leitores não saibam como aceder ao citius, seria interessante que o soubessem...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É engraçado, de quando em quando aparece aqui alguém anónimo a publicar casos de perca ( ou meia perca, como este) é pena que quem ganha fique tão aliviado que manda as Palme para o fundo do inferno e nunca mais quer saber de tal assunto, por isso nem se dão ao trabalho de colocar aqui resultado, pelo menos aqueles que têm conseguido livrar-se de pagar altas quantias, deveriam como forma de reconhecimento DA AJUDA GRATUITA QUE TIVERAM; COLOCAR AQUI O RESULTADO
      Ao mesmo tempo este anónimo tão bem informado das percas igualmente conhece as acções ganhadoras EM NOME DA LEALDADE; HONESTIDADE; CORAGEM; ETC ETC SEJA CORRECTO E COLOQUE AQUI

      Eliminar
    2. Esse P.L. é um grande cromo. Na casa dos segredos tinha futuro.


      A.E.

      Eliminar
  4. HÁ 5 ANOS que a Palme II
    não exerce qualquer actividade!

    Para este artista "resolver as coisas a bem"
    significa o Sócio ter que pagar uma indemnização
    à "Massa Insolvente" da PALME II.

    METADE DAS ANUIDADES VINCENDAS!

    ResponderEliminar
  5. Plano de Insolvência 8 anos.
    Porque será que esta empresa tem 8 anos
    para cumprir o plano de insolvência
    e tem o objetivo de pagamento somente de metade das dívidas?!
    Realmente é estranho.

    AE

    ResponderEliminar

  6. A Associação para o Desenvolvimento e Progresso dos Sócios Key Club agradece ao Exmo. Sr. José Caetano Marques, Administrador de Insolvência da PALME II, S.A., a obra realizada no KEY CLUB:

    1 – Cancelamento da Publicação Periódica dirigida aos Sócios Key Club, denominada KEY CLUB News;

    2 – Supressão do Guia de Hotéis de Portugal para Sócios – KEY CLUB;

    3 – Cancelamento do Programa Key Points;

    4 – Supressão da distribuição pelos Sócios das Publicações do Key Club;

    5 – Cancelamento da distribuição pelos Sócios do “Manual de Descontos", referente aos anos de 2009, 2010 e 2011;

    6 – Mudança de instalações – alteração da Sede Social da PALME II, S.A., pqara o 3.º Piso de um Prédio;

    7 – Encerramento das Agências Key Club CLUB, em Lisboa, Leiria e Porto;

    8 – Cobrança das anuidades aos Sócios do Key Club com recurso a processos de Injunção e a cobranças coercivas;

    9 – Instauração contra os Sócios do Key Club de processos de queixa-crime por alegada difamação do “Bom Nome da PALME”;

    10 – Falta de Informação Periódica, dirigida aos Sócios, referente à actividade social da PALME II, S.A. (Key Club).


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. MAS FALTA AGRADECER AINDA ALGO MAIS

      ENTÃO E O LINDO MANUAL DE DESCONTOS QUE RECEBEMOS em 2012?!?!?!?!

      è tão actualizada a sua informação e verdadeira que nos oferece contactos de locais onde nos podemos dirigir para beneficiar dos ditos descontos SÒ QUE MUITOS NÂO EXISTEM,OUTROS NEM CONHECEM A EMPRESA e ALGUNS DELES FECHARAM HÀ 10 ANOS, E ESTA HEIN????? PUBLICIDADE
      ENGANOSA!!!
      NO ALGARVE tb havia agência, alguém sabe se ainda existe?

      Eliminar
    2. A Agência Key Club no ALGARVE há muito tempo que fechou portas definitivamente!

      Quanto ao KEY CLUB - Holidays também acabou.

      Agora voltou a chamar-se "Terrace Club" e não tem qualquer tipo de parceria com a PALME II.

      Eliminar
  7. A Palme II, S.A. e a Palme Viagens e Turismo, S.A.
    estas duas empresas com sede social na mesma morada
    "Campo Grande, 28 - 3.º C", 1700-093 Lisboa,
    encontram-se EM LIQUIDAÇÃO!

    Quem quer pagar "anuidades" por antecipado?

    Só se for...!

    ResponderEliminar
  8. «O ESCÂNDALO DAS PALME»

    A PALME II e os seus advogados andam enpenhadíssimos em isolar os Sócios KEY CLUB, criticando-os abertamente por partilharem informações entre eles, etc.

    É A CENSURA DO KEY CLUB!

    Querem privar as pessoas de exercerem os seus Direitos, devidamente consagrados na Constituição da República.

    ResponderEliminar