sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

CONTRA KEY CLUB - Informação / Contactos


CONTRA KC
Blogue criado no dia 7 de Fevereiro de 2011
________________________________________________________________________________


Informação sobre os autores do blogue "Contra KeyClub"
  

Nome: Pedro Alves
Blogue: contrakeyclub.blogspot.com
Email: pedromaiaalves@gmail.com
Função: Autor e Administrador


Nome: João Pereira
Contacto: 965 063 943
Função: Colaborador JR



Comentadores:
_____________________________________________________________________
Emanuel Santiago
AJSC
Tróia
Carla Costa
Catarina Almeida
Maria Nicolau
Clara Gomes
Armando Silva
António Manuel
Catarina
Fernanda
João Pereira
Bruno
Odete Godinho
Ricardo Campo
Jorge
Sérgio
Filipe Runa
Rute Filaho
Henrique Lopes
Fernanda palma
Suzete Oliveira
Ana Martins
Pedro Segurado
Luis Castanheira
Alfredo Marques
Isabel Ramos
Ana Cristina
Nobre Furtado
Paula
Filipe Maurício
José Oliveira
Liliana Faria
Nuno Luís
Eduarta Silva
Rui Rodrigues
António Esteves



 

OBSERVAÇÃO:

Tendo surgido vários "Anónimos" a colocar comentários no blogue, solicitando que seja fornecido o endereço de correio eletrónico, informa-se expressamente que não deve disponibilizar os seus dados quando os mesmos sejam solicitados por um "Anónimo".
Esses pedidos não são feitos por qualquer administrador do blogue.

__________________________________________________________________________


Pesquisa de Advogados

Ordem dos Advogados
Pesquisa de Advogados por:
·         Conselho Distrital;
·         Comarca;
·         Nome;


PROCESSOS DE INJUNÇÃO

É recomendável a Consulta Jurídica, especialmente naqueles casos em que o que está em causa sejam valores superiores a € 2.000,00.
Todavia, reafirmamos que existem casos de Sócios em que, tendo já comparecido em audiência no Tribunal, sem advogado, foram merecedores de uma sentença favorável, indeferindo totalmente as pretensões da PALME II, S.A..

_______________________________________________________________________

A informação disponibilizada neste blogue, dirigido aos Sócios Key Club que se sentem insatisfeitos com a execução do "Contrato de Prestação de Serviços" da PALME II, S.A. (KeyClub), não dispensa a consulta de um advogado/a.
_______________________________


33 comentários:

  1. Emanuel Santiago

    emanuels100@gmail.com

    ResponderEliminar
  2. Afinal a MI Palme continua a demonstrar capacidade de negociação e vontade de resolver a bem todos os casos, que o diga a Cristina que deveria ter ido a tribunal hoje. Pode ser que lhe comecem a seguir as pisadas, a ela e a todos quantos estão a resolver as coisas a bem, em vez de andar a alimentar interesses escondidos de algumas pessoas por supostas lutas de grupo, quando não passam se não de interesses pessoais financeiros escondidos.

    Espero que também os administradores deste blogue não eliminem este comentário assim como têm feito com tantos outros, quando não são coincidentes com a sua opinião.
    Se este espaço existe, então deverá aceitar as posições divergentes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os interesses financeiros escondidos, são da parte da PALME II que não apresentou judicial a Prestação de Contas referente ao ano de 2010,
      não apresentou as faturas a pagamento e vendeu cartões multiserviços com 5% de IVA...

      Eliminar
    2. Vai ser constituida uma comissão de sócios lesados, para reunir com os responsáveis pela PALME II,S.A, no sentido de iniciar conversações para serem devolvidos todos os montantes pagos à Palme II, devemos pensar de forma construtiva, pelo que como esta entidade nunca prestou qualquer serviço, terá de devolver todos os montantes pagos. Se quiserem aderir a esta comissão, podem enviar-me um email.

      Eliminar
  3. É mesmo não ter vergonha nenhuma na cara!

    ResponderEliminar
  4. Segundo a Palme II, cerca de 3.000 Sócios do KEY CLUB deixaram de pagar as anuidades.

    Apesar disso, o Administrador de insolvência diz que
    os Sócios sempre estiveram MUITO SATISFEITOS
    com os serviços prestados pela Palme II.

    Se os Sócios estavam satisfeitos com os serviços,
    porque motivo deixaram de pagar as anuidades?

    ResponderEliminar
  5. Afinal a MI Palme continua a demonstrar capacidade de negociação e vontade de resolver a bem todos os casos, que o diga a Cristina que deveria ter ido a tribunal hoje. Pode ser que lhe comecem a seguir as pisadas, a ela e a todos quantos estão a resolver as coisas a bem, em vez de andar a alimentar interesses escondidos de algumas pessoas por supostas lutas de grupo, quando não passam se não de interesses pessoais financeiros escondidos.

    Espero que também os administradores deste blogue não eliminem este comentário assim como têm feito com tantos outros, quando não são coincidentes com a sua opinião.
    Se este espaço existe, então deverá aceitar as posições divergentes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. TRIBUNAL DO COMÉRCIO DE LISBOA
      - Conclusão:

      "Resulta evidente que
      a PALME II se encontra impossibilitada de cumprir
      as suas obrigações vencidas
      e que, de facto, não as vem cumprindo,
      situação irreversível dado que há CINCO ANOS que
      a Sociedade não exerce qualquer actividade."

      Eliminar
    2. A PALME II encontra-se EM LIQUIDAÇÃO.

      Não façam "acordos" pagando metade das anuidades futuras.

      Não paguem qualquer valor a título de indemnização.

      Se há alguém que tem que pagar indemnizações, é a Palme II.

      A PALME II não exerce qualquer atividade há vários anos.

      Eliminar
  6. Tribunal Judicial de Cuba
    Secção Única
    Largo Cristovão Colon - 7940-171 Cuba
    Telef: 284 090 100 Fax: 284 090 119 Mail: cuba.tc@tribunais.org.pt
    Proc.Nº 259932/11.0YIPRT
    615573
    CONCLUSÃO - 07-12-2012
    (Termo eletrónico elaborado por Escrivão de Direito Ana Maria N. Sota C. Ildefonso)
    =CLS=
    SENTENÇA
    Massa Insolvente de palme II – Comercialização de Cartões de Desconto, SA, NIF: 503364908, com sede no Campo Grande, nº 28, 3º C, Lisboa veio propor injunção contra “ Bruno Pisco ”, que deduziu oposição, tendo a mesma se transmutado em acção especial para cumprimento de obrigações pecuniárias.
    A Autora vem pedir a condenação da Ré no pagamento da quantia de € 121,56 ( cento e vinte e um euros e cinquenta e seis cêntimos) correspondente à quantia em dívida a título de capital, penalização devida, acrescida de juros de mora vencidos e vincendos até integral pagamento…
    V - Decisão
    Nestes termos e pelo exposto, julgo a presente acção procedente e, em consequência, condeno o réu Bruno Ricardo dos Santos Pisco a pagar à autora Massa Insolvente de Palme II – Comercialização de Cartões de Desconto, SA a quantia de € 118,80 (cento e dezoito euros e oitenta cêntimos), acrescida de juros de mora, vencidos e vincendos, à taxa legal desde a data de vencimento
    da anuidade de Novembro de 2010 até efectivo e integral pagamento. Mais, absolvo o Réu da condenação como litigante de má fé.*
    Custas a cargo do réu – artigo 446.º, n.ºs 1 e 2 de Cód. Proc. Civil. Registe e notifique.

    ResponderEliminar
  7. TRIBUNAL DO COMÉRCIO DE LISBOA

    "Entende a PALME II ser possível a sua viabilização
    com uma moratória no pagamento das suas dívidas,
    recuperação essa que DEPENDE da recuperação da sociedade
    PALME VIAGENS E TURISMO, S.A.,
    empresa do mesmo Grupo
    e que na mesma data se apresentou à insolvência."


    - DÍVIDAS DA PALME II - € 3.961.265,45


    ResponderEliminar
  8. O que é feito da PALME - Viagens e Turismo, S.A.?

    Porque motivo nunca mais ouvimos falar desta empresa
    do GRUPO KEY CLUB?

    ResponderEliminar
  9. TRIBUNAL DO COMÉRCIO DE LISBOA

    "Resulta evidente que a PALME II
    se encontra impossibilitada de cumprir
    as suas obrigações vencidas
    e que, de facto, não as vem cumprindo,
    situação irreversível
    dado que
    há CINCO ANOS que a sociedade
    não exerce qualquer actividade."

    ResponderEliminar
  10. PALME II - COMERCIALIZAÇÃO DE CARTÕES DE DESCONTO, S.A.


    Comissão de Credores:


    1 - CREDIBOM - Instituição Financeira, S.A.

    2 - ISS - Instituto de Segurança Social, IP

    3 - Millenium BCP

    4 - DGI

    5 - HAWORTH PORTGUAL, S.A.

    ResponderEliminar
  11. A PALME II encontra-se EM LIQUIDAÇÃO.

    Não façam acordos pagando metade das anuidades futuras.

    Não paguem qualquer valor a título de indemnização.

    Se há alguém que tem que pagar indemnizações, é a Palme II.

    A PALME II não exerce qualquer atividade há vários anos!

    ResponderEliminar
  12. Os dados aqui divulgados foram fornecidos pela AT (ex DGCI), logo são verdadeiros. Aos incautos ATENÇAO! Não entreguem nem mais um cêntimo à PalmeII!

    ResponderEliminar
  13. Existem vários acordos ganhos pelos ex sócios em Tribunal,contra a Palme. Estes ex sócios tinham contratos com a Palme e não com a Palme II.
    Não se deixem iludir, não façam mais acordos com esses bu..ões.
    Eles sabem que em Tribunal perdem, por isso tentam um acordo com um valor baixo, pois assim é sempre algum dinheiro que ganham.
    Se quiserem dar dinheiro, façam doações a instituições de solariedade e não a gat..os.
    Se necessitarem de ajuda mandem mesnsagem para o email supra citado neste blog.
    Temos casos reais já plenamente resolvidos e que podem ficar seguros que a lei está do vosso lado.
    Sugiro que adoptem o lema:
    "NEM MAIS UM CÊNTIMO PARA A GATUNAGEM".

    ResponderEliminar
  14. PALME II - COMERCIALIZAÇÃO DE CARTÕES DE DESCONTO, S.A.

    Pessoa Colectiva n.º 503364908


    "Apresentou-se à insolvência, alegando
    encontrar-se impossibilitada de cumprir
    as suas obrigações vencidas.

    Fundamentou-se no facto de se debater
    com dificuldades económicas
    desde 2006.



    Dificuldades essas relacionadas com:


    1 - Redução do número de Vendas;

    2 - Indemnizações a Funcionários por rescisão de contratos;

    3 - Acumular de Rescisões de Contratos;

    4 - A Crise Económica;

    5 - Corte de financiamento por parte das Entidades Financeiras;



    TODOS ESTES FACTORES
    levaram a um acumular do passivo que ascende a
    € 3.961.265,45

    ResponderEliminar
  15. TRIBUNAL DO COMÉRCIO DE LISBOA

    "Entende a PALME II ser possível a sua viabilização
    com uma moratória no pagamento das suas dívidas,
    recuperação essa que DEPENDE da recuperação da sociedade
    PALME VIAGENS E TURISMO, S.A.,
    empresa do mesmo Grupo
    e que na mesma data se apresentou à insolvência."

    - Data: 05-09-2008


    - DÍVIDAS DA PALME II - € 3.961.265,45

    ResponderEliminar
  16. PALME, S.G.P.S., S.A. - EMPRESA EM LIQUIDAÇÃO

    N.º Contribuinte: 502857471

    Avenida Almirante Gago Coutinho, 80

    1700-031 Lisboa

    ResponderEliminar
  17. PALME II - COMERCIALIZAÇÃO DE CARTÕES DE DESCONTO, S.A.

    Pessoa Colectiva n.º 503364908


    "Apresentou-se à insolvência,
    alegando encontrar-se impossibilitada de cumprir
    as suas obrigações vencidas.

    Fundamentou-se no facto de
    se debater com dificuldades económicas
    DESDE 2006.



    Dificuldades essas relacionadas com:

    1 - Redução do número de VENDAS;

    2 - INDEMNIZAÇÕES a Funcionários por Rescisão de Contratos;

    3 - Acumular de RESCISÕES DE CONTRATOS;

    4 - A Crise Económica;

    5 - CORTE DE FINANCIAMENTO por parte das Entidades Financeiras;


    TODOS ESTES FACTORES levaram a um acumular do passivo
    que ascende a € 3.961.265,45.

    ResponderEliminar
  18. PALME, S.G.P.S., S.A. - EMPRESA EM LIQUIDAÇÃO

    N.º Contribuinte: 502857471

    Avenida Almirante Gago Coutinho, 80

    1700-031 Lisboa

    ResponderEliminar
  19. A PALME II, OS SÓCIOS "KEY CLUB"
    E A SUSPENSÃO DOS SERVIÇOS POR TEMPO INDETERMINADO


    1 - A Lealdade e a Boa Fé são essenciais na celebração e durante a execução dos Contratos;

    2 - Uma empresa que, pela falta de pagamento de 1 ANUIDADE, suspende na totalidade os Serviços ao Sócio, deixando de enviar qualquer informação ao Sócio, podendo esta situação prolongar-se por 15 ANOS, e após esse prazo, sem ter prestado qualquer Serviço, vem exigir o pagamento da totalidade das anuidades, acrescidas de uma Penalização de 50%, NÃO REVELA lealdade nem boa fé;

    3 - Uma empresa que não coopera com os SÓCIOS na procura da verdade, não lhes facultando CÓPIA LEGÍVEL do seu contrato, não lhes entregando RECIBO do pagamento do Cartão key Club ou das anuidades liquidadas, não opera de forma transparente;

    4 - Uma empresa que, não tendo contacto com um SÓCIO, durante vários anos, e após isso, instaura contra ele um Processo de Injunção, sem haver um prévio contacto da PALME II com esse Sócio, não revela lealdade ou boa fé;

    5 - O facto de a PALME II ter declarado situação de insolvência, ter mudado de Sede Social, ter encerrado todas as Agências Key Club e nada ter dito aos Sócios acerca disso, em tempo oportuno, demonstra falta de lealdade.


    Não podemos nós expressar livremente a nossa opinião?

    Não temos nós direito à Liberdade de Expressão?

    Se aquilo que afirmamos corresponde à VERDADE,
    onde está a alegada "difamação"?

    Não andarão, porventura, os advogados da PALME II a querer "cozinhar" falsas razões CONTRA OS SÓCIOS?


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O caricato da situação é que nos denominados "CONTRATOS DE ASSOCIAÇÃO" essa cláusula da suspensão dos serviços não consta dos mesmos (à excepção dos Contratos OURO / PRATA), mas, consta tão somente uma cláusula de PENALIZAÇÃO de 50% do valor da anuidade, no caso de se verificar mora no pagamento.

      Estes "artistas", porém, tomaram a decisão de penalizar duplamente os SÓCIOS:

      1 - Suspendem os Serviços;

      2 - Aplicam uma PENALIZAÇÃO de 50%.

      Eliminar
  20. ONDE ESTÁ O NOSSO DINHEIRO?


    Segundo declarações feitas, a recuperação da PALME II, S.A. depende da recuperação da PALME - VIAGENS E TURISMO, S.A..

    Mas, se a PALME - VIAGENS E TURISMO, S.A. tem 0 empregados, vai recuperar de que modo?

    Se a recuperação da PALME II, S.A. depende da recuperação da PALME VIAGENS E TURISMO, S.A., mas, se não existe qualquer Plano de Recuperação para esta "PALME", teremos que concluir que a recuperação da PALME II encontra-se "comprometida" e que provavelmente tudo isto não passe de uma GRANDE FARSA para continuar a cobrar as anuidades aos Sócios!

    O Conselho de Administação da PALME II, S.A. / KEY CLUB fez uma MÁ GESTÃO durante vários anos, endividando-se acima das suas possibilidades...
    mas, agora, querem que sejam os SÓCIOS a pagarem as dívidas contraídas pelo Grupo Key Club!

    ResponderEliminar
  21. PALME II, S.A. / PALME VIAGENS, S.A.

    SE, a recuperação da PALME II
    depende da recuperação da PALME VIAGENS E TURISMO, S.A.,
    mas para esta última não existe um PLANO DE RECUPERAÇÃO,
    como é que se vai operar a recuperação da PALME II?

    CONCLUSÃO: A PALME VIAGENS não vai recuperar da insolvência, logo, como a recuperação da PALME II depende da recuperação daquela empresa, encontra-se sem solução!

    Quando dizem que a PALME II está "em pleno funcionamento" ESTÃO A MENTIR!

    ResponderEliminar
  22. ARLETE GONÇALVES

    KEY CLUB - Departamento Gestão de Clientes
    Rua Campo Grande, n.º 28 - 3.º C
    1700-093 Lisboa

    E-mail: arletegoncalves@palme-sa.pt

    ResponderEliminar

  23. É inadmissivel que exista uma empresa - PALME II, SA
    cuja actividade principal é cobrar as anuidades aos Sócios!

    É verdadeiro este facto.
    A PALME II deixou de vender os cartões "KEY CLUB",
    após a situação de insolvência, em Setembro de 2008,
    motivo pelo qual a sua unica fonte de receitas
    é a cobrança das anuidades.

    A venda de novos Cartões "KEY CLUB" foi cancelada!

    Já passaram 4 ANOS desde que a PALME II foi declarada insolvente.
    Todo este tempo, a Palme II tem sobrevivido à custa
    da cobrança das anuidades aos Sócios.

    ResponderEliminar

  24. KEY CLUB TRAVEL - Agência Oficial do GRUPO PALME

    "Temos consciência de que
    as recentes alterações foram eventualmente
    motivo de afastamento e desinteresse(…)

    Tenho por experiência própria a noção de que
    a distribuição e a Comunicação com os Sócios
    não foi a mais eficiente e efetiva no passado,
    muito por falta de meios na distribuição
    geográfica das Agências.”


    Eduardo Névoa, DG

    PALME VIAGENS, S.A.


    ResponderEliminar
  25. Além disso, há ainda as cobranças ilegítimas a pessoas inocentes que nem sequer celebraram qualquer tipo de contrato com esta PALME II,
    mas agora vem esta "MASSA INSOLVENTE" fazer uma caça às bruxas!

    Esta PALME II nunca deu nada a estas pessoas, porém, vem agora de forma totalmente vergonhosa exigir-lhes dinheiro e isto com ameaças de Penhora e arrombamento de portas!

    É ESTE O VERDADEIRO "ESCÂNDALO DAS PALME"!

    ResponderEliminar
  26. Queria agradecer a todos os que mantêm este blog vivo a vossa prciosa ajuda. As vossas informações têm sido imensamente orientadoras. Nunca poderei agradecer o suficiente. Por favor continuem o excelente trabalho a bem de todos os que estamos neste barco. Bem hajam MM

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em nome de todos os que muito aqui têm ajudado, agradeço o seu reconhecimento, de facto esta iniciativa tem contribuido para que muita gente tenha ficado mais confortada ao saber que não está sozinha e isso tem-lhes dado coragem para se oporem, felizmente com bons resultados para a grande maioria, alguns por falta de boas oposições acompanhadas de bons anexos e testemunhas, não tiveram melhor sorte, mas para esses ainda há recursos em curso, a Acção Popular que levaremos até onde for preciso.

      Eliminar
  27. PALME II - KEY CLUB

    "Na presente data, a Área de Vendas da sociedade Palme II, S.A.
    não se encontra a funcionar, face à declaração de insolvência da mesma".

    Segundo desclarações do Administrador de Inoslvência da PALME II, S.A.
    a empresa encontra-se em pleno funcionamento.

    Talvez a palavra "pleno" tenha adquirido um novo significado!

    A verdade dos factos é que a PALME II deixou de vender "o produto"
    - objeto da sua atividade comercial - Cartões Key Club Premium.

    Portanto, há já 5 anos que a PALME II não vende "cartões de desconto".

    Assim sendo, o numero de Sócios tem vindo a diminuir de ano para ano,
    porque a PALME II além de não conseguir angariar novos Sócios
    tem vindo progressivamente a perder os Sócios existentes em virtude de rescições dos contratos e outros contratos que têm sido declarados nulos em Tribunal.

    Desto modo, é certo que a PALME II está "Em Liquidação".

    ResponderEliminar